O império dos Queiroz

 Polícia  federal investiga família do governador Agnelo Queiroz, acusado de enriquecimento ilícito.

A reportagem da revista ISTOÉ, trata do enriquecimento de seus parentes durante sua gestão entre 2003 e 2010.

A mãe,o sobrinho,irmão acumularam bens que somam cerca de RS10 milhões em apenas 3 anos ,já o irmão Airton, ex vigilante, adquiriu um agência de alugueis de veículos e uma franquia de uma confeitaria, além de ajudar uma irmã, Anaílde, comprar uma fazenda no estado do Goiás.

O governador do Distrito Federal teria feito as transações quando dirigia a Anvisa(agência nacional de vigilância sanitária).

Veja a reportagem completa no site da ISTOÉ

http://www.istoe.com.br/reportagens/182408_A+PROSPERA+FAMILIA+DE+AGNELO?pathImagens=&path=&actualArea=internalPage

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s